PROTOCOLO DE SEGURANÇA E PREVENÇÃO COVID 19

Poderíamos ter feito um protocolo específico para entregar aos hóspedes. Optámos por ter um protocolo único que servirá para hóspedes e para colaboradores. Desta forma todos sabemos o que temos que fazer para efeitos de prevenção.

O Monte Alto está totalmente empenhado em receber os seus hóspedes com a máxima segurança, garantindo o seu bem-estar, o da sua equipa e dos parceiros.

Este documento foi elaborado com base nas orientações da DGS (Direcção Geral de Saúde) e nas directivas da OMS (Organização Mundial de Saúde)

O documento estará em permanente actualização para melhor resposta às actuais contingências.

O Monte Alto agro-turismo é parte integrante da Herdade do Monte Alto que tem uma área total de 300 hectares (3.000.000 m2). Em toda a área da propriedade, assim como nas áreas exteriores da casa, a circulação de pessoas é muito fluída e distanciada, não havendo motivo para nos confrontarmos com aglomerações.

A limpeza é das avaliações mais altas que os hóspedes nos têm dado. Mesmo assim importa reforçar e implementar algumas medidas de higiene e prevenção, sobretudo para os espaços comuns no interior da casa.

 

PROCEDIMENTOS BÁSICOS PARA COLABORADORES E HÓSPEDES

Adoptar sem variações a TRILOGIA SOCIAL: 20-2-0. Lavar as mãos em 20 segundos, guardar dois metros de distância e tolerância zero.

Há 3 princípios essenciais: distanciamento social, equipamentos de protecção individual e limpeza e desinfecção.

Todos os colaboradores receberam formação adequada sobre o COVID 19 e como cumprir as precauções básicas de prevenção e controlo da infecção. Essa formação foi ainda reforçada pela certificação do selo Clean&Safe do Turismo de Portugal.

Principais acções básicas de segurança e prevenção:

·       Lavar mãos com água e sabão frequentemente (meia em meia hora).

·       Desinfectar mãos com solução de base alcoólica.

·       Não tocar com as mãos na boca, olhos e nariz.

·       Não partilhar telemóveis, utensílios, toalhas e comida.

·       Cumprir etiqueta respiratória: tossir ou espirrar para antebraço ou manga, usar lenços de papel, desinfectar mãos após                  contacto com secreções respiratórias.

·       Uso de máscara sempre que tiverem que se deslocarem (andarem) no interior do Monte Alto.

·       Proceder de forma a não haver cruzamento (cara a cara) entre pessoas. Dar espaço para que tal não ocorra.

·       Manter distanciamento a outras pessoas de no mínimo 2 metros.

·       Não haver contacto físico.

·       A roupa e calçado que os colaboradores usam no Monte Alto deve ficar no Monte Alto para não haver o risco de contágio              para fora e para dentro do monte.

·       Medir a temperatura ao saírem de casa.

·       Terem as directrizes de limpeza sempre por perto para consulta.

·       Não permitir que haja excepções a estas acções básicas.

Se todos tivermos cuidado vamos estar protegidos. As superfícies, como sofás e mesas, serão sempre uma forma de contágio ultra-secundária. O perigo está nas nossas mãos e nos fluídos que possamos expedir ou respirar para ou de outros. Em Wuhan (epicentro da doença) 83% dos casos infectaram-se em casa.

 

CONDICIONALISMOS PARA ENTREGAS (FORNECIMENTOS)

Os fornecimentos devem cumprir as seguintes regras

a)    Entregas entre as 12 e as 13 horas

b)    As mercadorias serão descarregadas pelo fornecedor e colocadas à porta do casão. O fornecedor afasta-se de forma a                 permitir que possamos conferir a mercadoria entregue sem haver contacto físico quer entre pessoas quer com a mercadoria

c)    As mercadorias serão desinfectadas por pulverização e armazenadas no casão. O leite será levado para a cozinha.

 

 

PREPARAÇÃO DO MONTE PARA REABERTURA (8/6/2020)

Todos os procedimentos de limpeza e desinfecção estão de acordo com a orientação 014/2020 da DGS.

Assegurar que os tapetes de desinfecção (pedilúvio), nas duas entradas do Monte Alto estão com solução desinfectante e que os dispensadores de gel à base de álcool estão carregados.

Não colocar almofadas nas cadeiras dos alpendres e pátios.

Tirar tapetes desnecessários.

Tirar almofadas decorativas dos sofás.

Arejar toda a casa e quartos mais que uma vez ao dia.

Não haver papeis, livros e jogos.

Colocar película nos comandos da televisão e nos painéis do ar condicionado.

Ter estojo de limpeza diferenciado para cozinha, zonas exteriores, espaços comuns e quartos.

A Casa de Banho social estará fechada. Os colaboradores utilizarão a casa de banho do casão, não estando lá ninguém em isolamento.

Verificar se a sinalética está bem visível e bem conservada

 

RECEPÇÃO E PARTIDA DOS HÓSPEDES

Com uma antecedência de poucos dias à data de chegada ao Monte Alto, os hóspedes receberão uma mensagem com informação muito importante e a solicitar que preencham um questionário relativo ao check in e ao estado epidemiológico. A resposta a este questionário deve ser submetida até 24 horas de antecedência à hora de chegada. 

Os hóspedes devem trazer equipamento de protecção individual. Para adultos e crianças.

Os hóspedes devem medir a sua temperatura corporal antes de iniciarem a viagem até ao Monte Alto. Se tiverem mais de 37,5 Cº não devem vir. Pela vossa saúde e pela saúde dos outros hóspedes e de todos nós.

Quando estiverem perto do Monte Alto os hóspedes devem fazer uma chamada para o telemóvel 963509602 e dirigirem-se para o pátio onde aguardam. A porta estará fechada sem a chave na porta.

A chave do quarto já deve estar no mesmo.

Quando os hóspedes chegam os colaboradores têm de estar com a máscara e viseira colocadas assim como as luvas. Os hóspedes têm de ter a máscara colocada.

Abrir a porta, verificar se os hóspedes estão com máscara e à distância recomendada. Confirmar o nome do hóspede.

Ainda no pátio é medida, com termómetro de infravermelhos, a temperatura corporal a todos os hóspedes, sem registar. Mostrar ao hóspede a leitura lida. Alguém com mais de 37,5 Cº não pode entrar em casa.

Assegurar que os hóspedes pisaram o tapete de desinfecção e que desinfectaram as mãos antes de entrar em casa.

Os hóspedes entram e vão para o quarto que lhes está destinado. Lembrar os hóspedes que sempre que se deslocarem pelas zonas sociais terão de estar com máscara.

A hora limite de check out (deixar o quarto) é às 11 horas, para que haja tempo para arejamento, limpeza e desinfecção até à hora de check in. Poderá custar um pouco ter que sair uma hora antes do previsto, mas devemos pensar que o hóspede anterior fez o mesmo para que pudéssemos ter o quarto preparado nas condições de segurança. Em época de baixa ocupação mantêm-se o horário das 12:00 para check out.

De véspera o hóspede deverá liquidar o valor da reserva e de outras despesas junto da Lara. O pagamento deverá ser preferencialmente feito por MB way ou por transferência bancária entregando o comprovativo.

Quando o hóspede pretender deixar o Monte Alto, faz chamada para o telemóvel 963509602 com uma antecedência de 30 minutos em relação à hora que pretende sair. Nessa chamada pedir aos hóspedes para deixarem a janela aberta para arejar o quarto. Se possível porem rede mosquiteira.

À hora combinada alguém estará na recepção, de máscara, viseira e luvas para receber as chaves do quarto e despedir-se dos hóspedes.

 

LIMPEZA DOS QUARTOS

As colchas, almofadas e tapetes têm que ser retirados. Deixar no quarto apenas o essencial.

A limpeza dos quartos para estadias até 3 noites será apenas efectuada a pedido. No formulário do check in há um campo para o hóspede assinalar no caso de não concordar com esta medida de maior intervalo entre limpezas dos quartos.

Os colaboradores só podem entrar nos quartos se os mesmos estiverem vazios e devem estar protegidos por bata, mascara, viseira e luvas.

Quando os colaboradores forem fazer a limpeza de um quarto, devem levar, de uma só vez, tudo o que for necessário para a fazer, de forma a não terem que sair e entrar várias vezes.

Ao entrarem devem arejar imediatamente o quarto caso o hóspede não tenha deixado a janela aberta.

Utilizar material de uso único. Não utilizar aspirador. Para desinfecção de superfícies (piso, bancadas, etc…) utilizar lixívia (hipoclorito de sódio) numa concentração de 5%. Para superfícies metálicas e outras utilizar a solução com o viricida que também usamos para os puxadores, interruptores, etc…

A limpeza deve ser efectuada em duas fases. Primeiro as roupas. Enrolar de dentro para fora, sem sacudir e colocar dentro de um saco que será fechado no local. Na segunda fase, horas depois da primeira fase, proceder então à limpeza e desinfecção.

Os sacos da roupa assim como os resíduos recolhidos no quarto devem ir para o exterior, por exemplo, para o casão onde não estejam bens que possam ir para dentro de casa.

Lamentavelmente temos que voltar as unidoses e às embalagens de plástico. Esperemos que por pouco tempo. A água de boas vindas deve ser deixada em garrafas e os copos de plástico.

O shampoo e o sabonete voltarão a ser fornecidos em unidose devendo ser retirados os doseadores que tínhamos em uso.

Depois de o quarto estar limpo, fechar a porta à chave e colocar o selo Clean&Safe. A chave é desinfectada e colocada dentro de saco fechado na mesa da entrada, onde o hóspede a recolherá quando quiser voltar ao quarto.

 

LIMPEZA DAS ÁREAS COMUNS INTERIORES

Muita atenção à limpeza e desinfecção, várias vezes ao dia, de puxadores, maçanetas, mesas, interruptores, comandos. Ter um mapa onde é registada a hora de cada desinfecção.

Arejar todas as áreas várias vezes ao dia.

Todos os tapetes desnecessários deverão ser retirados, assim como almofadas e outros objectos que possam ser tocados por várias pessoas.

Passar esfregona com desinfectante pelo menos duas vezes ao dia.

 

LIMPEZA E ARRUMAÇÃO DA PISCINA E ÁREAS EXTERIORES

A piscina do Monte Alto é desinfectada diariamente com solução de cloro de acordo com o nível máximo segundo as normas da OMS. Mesmo sendo uma piscina de grandes dimensões, 18 x 9 metros, devemos evitar situações em que estejam muitas pessoas a utilizá-la ao mesmo tempo. Na fatalidade de ocorrência de um caso positivo ao covid19 a piscina será esvaziada e desinfectada.

As espreguiçadeiras terão que estar muito distanciadas e sem colchões. 

Sempre que possível tentar atribuir espreguiçadeiras por quarto. Mesmo assim as espreguiçadeiras devem ser frequentemente desinfectadas.

No alpendre não podem ficar as almofadas. Também não haverá frigobar. Em substituição fazer o pedido para o telemóvel 963509602.

Em toda a área coberta exterior desinfectar o chão diariamente com solução viricida. O mobiliário deve ser desinfectado diariamente e após cada utilização.

 

PEQUENO ALMOÇO, ALMOÇO E JANTAR

Não há Honesty Bar. As bebidas serão pedidas por telefone para 963509602 ou intercomunicador.

A entrada na cozinha é interdita a qualquer pessoa fora da organização.

Tanto na cozinha como na sala de refeições não podem existir toalhas de pano. Sempre que possível usar material descartável. Desinfectar várias vezes ao dia puxadores, balcões, interruptores e todos os locais onde alguém, mesmo os colaboradores, possam tocar tais como puxador do frigorífico, porta do microondas, porta do fogão, torneiras de água, etc...

A cozinha não estando a ser utilizada deve estar fechada à chave.

Num hall dos quartos colocaremos o frigorífico e um microondas para utilização comum dos hóspedes e para facilitar o aquecimento das papas e leite para bebés.

 

Pequeno almoço

Lembrar os hóspedes que a máscara é de uso obrigatório sempre que houver deslocação. Por exemplo: quando nos levantarmos para nos irmos servir. Ao voltar à mesa tirar a máscara e tomar o pequeno almoço.

Nas mesas não deve haver nada colocado antes dos hóspedes chegarem.

A mesa só é preparada com os hóspedes já sentados. A colaboradora que for por a mesa deverá ter mascara e luvas. Colocar a toalha de papel e informar os hóspedes de que os guardanapos, os pratos, talheres e chávenas serão fornecidos pela pessoa que está a atender atrás do painel de acrílico.A pessoa que vai por a mesa deve ter lavado e desinfectado as mãos antes de tirar do armário a loiça e talheres.

Na sala de refeições as mesas e cadeiras terão de estar colocadas de forma a ser cumprido o distanciamento social. Não se pode permitir que a disposição das cadeiras e mesas seja alterada. As cadeiras fora de uso estarão marcadas com fita vermelha e branca.

Se a ocupação não for além de 4 quartos, cada quarto terá uma mesa para refeições previamente atribuída. Na mesa haverá uma placa com o número do quarto.

Estando ocupados mais que 4 quartos, o acesso ao pequeno almoço terá que ser por turnos. Primeiro turno das 9 às 9:45 e segundo turno das 10:15 às 11:00. O primeiro turno terá que deixar a mesa às 9:45 e o segundo turno às 11:00. Enquanto houver possibilidade de escolha, os hóspedes poderão eleger o turno mais conveniente. Se um turno já estiver esgotado o hóspede será informado do horário disponível para tomar o pequeno almoço. Os hóspedes do mesmo quarto ou vários quartos ocupados por família ou grupo, devem tomar o pequeno almoço no mesmo turno.

Entre turnos as mesas e cadeiras terão de ser desinfectadas.

Em qualquer das situações pedimos aos hóspedes para tomarem o pequeno almoço sem pressas, mas sem prolongarem desnecessariamente a ocupação da sala. Porque as mesas fazem falta para outros hóspedes e também por uma questão de segurança.

O pequeno almoço continuará a ser servido no formato buffet, mas não em Self Service. Todos os produtos estarão à vista dos hóspedes, mas protegidos por separadores de acrílico. De um lado os hóspedes dizem o que pretendem comer e beber e do outro estará um colaborador que o servirá.

Procurar ter tudo o que for possível em formato unidose. Compotas, açúcar, etc...

A pessoa que está a servir os hóspedes tem que estar devidamente equipada com EPIs e não deve sair do local por nenhum motivo. Deve ter forma de comunicar com a cozinha para pedir o que for necessário.

Os hóspedes poderão colocar a loiça e utensílios utilizados numa mesa em frente à porta da cozinha para serem recolhidos pela pessoa que estiver na mesma. Essa pessoa será a que faz a desinfecção e limpeza das cadeiras e mesa.

 

Almoço e Jantar

Os procedimentos de higiene e segurança deverão ser os mesmos dos adoptados para o pequeno almoço.

Poderemos apenas servir, na sala, almoços e jantares até 4 mesas. O horário para almoço é das 13:30 às 14:30 e para jantar das 19:30 às 22:00. O horário de chegada à sala para jantar deverá ser previamente combinado. As mesas devem estar livres às 14:30 e às 22:00.

Os hóspedes que quiserem almoçar e ou jantar deverão marcar no dia anterior.

Temos uma ementa semanal disponível no site www.montealto.com.pt .

 

HÓSPEDE COM SINTOMAS E ÁREA DE ISOLAMENTO

Se um hóspede tiver febre ou outro sintoma de estar doente, devem encaminhá-lo para a área de isolamento e contactarem o responsável pelo plano de contingência. João Parreira com o contacto 968544020.

A área de isolamento do Monte Alto, para onde deverá ser encaminhado algum hóspede com sintomas de doença, será o anexo. Este deverá estar limpo, ser diariamente arejado e assegurar que se tiver de ser utilizado que estejam disponíveis:

a)    Lixo com saco de plástico que possa ser atado e ao qual será dado destino para entidade que processe resíduos de risco               biológico

b)    Água e alguns alimentos não perecíveis

c)    Cadeira e mesa

d)    Casa de banho com toalhetes

e)    Solução anticépticas de base alcoólica

f)     Assegurar que o hóspede tem meio que lhe permita contactar com o hotel sem ter de sair do espaço de isolamento

Devem ainda assegurar que o SNS foi avisado (SNS 808242424) e que o hóspede com sintomas não sai do local nem que ninguém entra no mesmo local até ordens do SNS.

Aguardar a chegada de pessoa credenciada pelo SNS.

Após o hóspede ter sido evacuado, todo o local terá de ser limpo, lavado e desinfectado com produto viricida e todo o lixo fechado, identificado como de risco biológico e encaminhado para local credenciado para o efeito.

 

UTILIZAÇÃO E LIMPEZA DAS BICICLETAS

No armazém onde estão as bicicletas só entram colaboradores. Os hóspedes solicitam aos colaboradores a bicicleta e estes colocam-na no exterior.

As bicicletas devem ser desinfectadas após cada utilização.

 

ATENÇÃO

Todas estas medidas serão ineficazes sem a colaboração de todos. O bom senso e o civismo serão importantíssimos para protecção da saúde de cada um de nós e de todos os que connosco estarão a “coabitar” no Monte Alto.